Archive for fevereiro \24\UTC 2011

Resenha Cinéfila em cena.

24 de fevereiro de 2011

Não era sábado pra ir pra balada, também não era quinta pra fazer um cinema em casa, era sexta, 18, e quem se decidiu pela Cinéfila não se arrependeu, a balada cinematográfica era de longe distante de tudo que o resto da cidade poderia oferecer, não poderia começar melhor o fim daquela semana.

No set do Dj Mario Olimpio predomiu… nada, ele tocou uma lista eclética que ia do popular ao clássico, rolou lambadão, inclusive Raul Seixas. Em seguida Fabricio Chabô tocou um eletro rock psicodelirante, imagens do gênio Hitchcock eram exibidas num telão, foi o passaporte pro público viajar.

A proposta de ensaio aberto aceita por Billy Brown e o Incrível Magro de Bigodes, e Cacarecos e Musiquetas foi outro fator que alterou toda a equação de status de uma festa. Era como se tivesse uma banda ensaiando na sua sala, enquanto BBIMB fazia um som com apenas guitarra e batera, suprindo com exatidão as freqüências de um baixo tal qual White Stripes. Caio Mattoso dava vazão às suas piras em um “cavalo louco”, como definiu Eduardo Ferreira.

Almerinda George Lowsbi foi a principal presença do evento, interagindo com o público daquela sua forma peculiar. Aproveitou para divulgar o seu programa “Na Cama com Almerinda” que estreou nesta segunda-feira.

A exposição de fotografia do Heitor foi uma das coisas mais comentadas, afinal a luz vermelha que remetia uma sala de revelação deu um clima, e suas fotos foram tidas como o foco mais conceitual da balada que resolveu por fim quebrar o padrão e ir contra fluxo total.

Te esperamos na próxima Cinéfila,
cada vez dando mais certo.

Clique na foto da ilustração e acesse as fotos do evento cultural.

Anúncios

#URGENTE: Almerinda divulga em seu tumblr que fará um lançamento exclusivo de seu programa hoje na Cinéfila!

18 de fevereiro de 2011

Gente, o Cinéfila hoje vai ser demais. Uma balada cinematográfica feita pelo Cellula. Só gente bonita e inteligente. Como sou rica não poderia ficar de fora. Vou fazer um Stand-up e depois vamos lançar meu programa para poucos e bons. Silval, Roseli, Chica, Blairo e Ralf já garantiram a presença. Como é bom ter amigos.

Post by: @almerindanacama

pelo visto o trem vai ser bom mesmo.

17 de fevereiro de 2011

Cinéfila a balada cinematográfica enquadra ensaio aberto e foca artes integradas!

16 de fevereiro de 2011

Na sexta, 18, na @CasaforadoEixo, uma balada cinematográfica promete esquentar a noite cuiabana, Cinéfila é um evento organizado pelo Coletivo Cellula, tem inicio as 22h.

No menu devem constar as discotecagens da primeira playlist de @MarioOlimpio e @FabrícioChabô, o diferencial dessa festa será justamente durante a atuação dos DJs, fragmentos do cinema local serão projetados, aumentando ainda o grau de psicodelia de Cinefila.

Além das discotecagens o evento mostrará um stand up com Almerinda, personagem de André D’Lucca, ensaio aberto de Os Viralastas e Cacarecos e Musiquetas, exposição de fotografias do @Htor_ , e ainda a estréia da banda Billy Brow e o Incrível Magro de Bigodes, formada ainda no ano passado,  a formação do grupo se dá apenas com dois integrantes, Caio Scholesser, ex-Lord Crossroad na guitarra e Lucas Gorduraz (@akagorduraz) na bateria.

Cellula pulsando a 200 km/h.

8 de fevereiro de 2011

Obedecendo a única lei que o Coletivo Cellula conhece, a lei que proíbe a inércia, estamos no 220V para produzir audiovisual em hell city, nesse exato momento quebrando a cabeça e montando os quebra-cabeças para inscrever dois projetos no edital da secretaria de cultura estadual.

O primeiro é o progressista Cine Lab, que visa popularizar o cinema na baixada cuiabana e no estado, o projeto deve ser o prato principal para o fomento e formação no cinema e vídeo servido pela Cellula nesse 2011.

O segundo é o curta “De Quem é a culpa”, roteiro e direção de @FabricioChabo, uma viagem que visita Sartre, e discute preconceitos e responsabilidades, a promessa de um bom filme deixa a inércia  inerte?!

Outra novidade deve ser os cartões personalizados, serão a mídia rápida do coletivo Cellula, agora nossa doença também será espalhada em papel reciclatto de 4cm por 8cm.

ps: assista o vídeo feito semana passada da música de @Caiooomattoso e captação de @Cajulina